Aliens pacifistas impediram a Terceira Guerra Mundial, garante astronauta

Por Redação | 01 de Dezembro de 2015 às 08h38

Se você estava sentindo falta de uma teoria da conspiração para animar seu final de ano, o astronauta norte-americano Edgar Mitchell acaba de jogar uma bomba no colo de todos os ufólogos e apaixonados por histórias secretas. Segundo o membro da missão Apollo 14 e o sexto homem a caminhar na Lua, os alienígenas não apenas existem como também já visitaram a Terra e impediram a Terceira Guerra Mundial.

Parece papo de maluco (e talvez seja), mas ele diz que essa é a razão pelo qual não houve ataques nucleares durante a Guerra Fria. Para Mitchell, a grande quantidade de avistamentos de objetos voadores não identificados próximos a bases militares entre as décadas de 60 e 80 são uma prova de que foram os ETs que impediram que Estados Unidos e União Soviética iniciassem ataques nucleares. E você achando que era o puro e simples bom senso.

O astronauta conta que conversou com vários oficiais da Força Aérea norte-americana que estiveram envolvidos em supostos casos de alienígenas e eles contaram que os aliens não só apareciam com relativa frequência como ainda desligavam ou derrubam os mísseis a partir de suas naves. Para ele, esses seres de outros planetas eram criaturas pacifistas que vieram para cá analisar o nosso poderio bélico e impedir que a nossa raça se exterminasse. Quase como os hippies da década de 60, só que em nível interplanetário.

Assista Agora: Saiba quais são os 5 maiores problemas das empresas brasileiras e comece 2019 em uma realidade completamente diferente.

No entanto, ao contrário do que muitos esperavam, Mitchell não apresenta nenhum relato de encontro com seres alienígenas durante o tempo em que ele esteve em órbita e muito menos durante seu passeio na Lua. Ainda assim, em sua entrevista ao jornal britânico Mirror, ele descreve suas crenças de maneira bem enfática e sem apresentar qualquer sombra de dúvida que ponha em xeque seu ponto de vista.

O participante da missão Apollo 14 conta que, após o término da Segundo Guerra Mundial, o governo dos Estados Unidos dividiu o exército, a aeronáutica e os serviços de inteligência e passou também a lidar com objetos voadores não-identificados - e logo constataram ser algo de outro planeta. O problema é que eles não sabiam se aquilo era um tipo de força hostil ou não e, sem ter como reagir a essa estranha presença, optaram por não fazer nada e manter tudo escondido da população para evitar o pânico. Assim, toda a negação e as tentativas de esconder evidências é algo que data desde o fim da década de 40.

Fonte: Mirror Online

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.