Homem implanta chips no próprio corpo para poder armazenar bitcoins

Por Redação | 14.11.2014 às 10:07

Ao navegar pelas notícias do mercado de tecnologia que são publicadas todos os dias, você com certeza já deve ter lido pelo menos um parágrafo sobre bitcoins. Esse produto de nome engraçado é a moeda digital mais bem sucedida de todo o mundo, atraindo investidores milionários de todos os cantos e colocando em pauta uma nova maneira de se utilizar o dinheiro.

Para facilitar o ato de pagar as suas contas e até mesmo o de abrir portas, o holandês Martijn Wismeijer implantou chips de computadores em suas mãos que podem armazenar bitcoins. De acordo com as informações do site Telegraph, Wismeijer é empresário e fundador da companhia Mr. Bitcoin, que instala máquinas criptografadas em toda a Europa para a utilização das moedas virtuais.

Sim, o procedimento dói

Neste mês de novembro, foi noticiado o fato de que Martjin passou por um processo bastante doloroso para implantar os chips de computadores em suas mãos. Ao todo, dois componentes de vidro, de doze milímetros cada um e ambos embutidos com a tecnologia NFC, foram implantados nele. Dessa maneira, basta que o empresário aproxime as suas mãos de um aparelho que trabalhe com a mesma tecnologia para que uma série de comandos e funções aconteça.

Ao que parece, o holandês vai poder pagar contas usando as criptomoedas, abrir portas sem maçanetas e guardar informações importantes sem que elas sejam roubadas. Como o NFC já é um recurso bastante difundido em smartphones, Martjin também é capaz de se “comunicar” com um Samsung Galaxy S5 e um iPhone 6, por exemplo.

O problema é que o empresário virou notícia mundial por conta da sua proeza, de modo que os seus chips já não são tão seguros assim, mesmo que ambos utilizem criptografia para proteger os dados. Ele também afirmou que os testes feitos com bitcoins foram um sucesso, mas que ele não vai usar este processo o tempo todo por não considerar seguro. Complicado, não é?