Homem é encontrado morto em LAN House após maratona de três dias jogando

Por Redação | 26 de Janeiro de 2015 às 16h30

Maratonas de jogos podem ser atividades muito desgastantes, mas para um taiwanês de 32 anos acabou sendo fatal. Conhecido apenas pelo seu sobrenome, Hsieh, o rapaz foi encontrado morto em um cibercafé em Kaohsiung, Taiwan, depois de passar três dias inteiros jogando.

Segundo informações da CNN, um empregado do local encontrou Hsieh caído sobre a mesa e chamou o serviço de emergência. Ele chegou a ser levado às pressas ao hospital, mas foi declarado morto por insuficiência cardíaca. De acordo com as investigações, pela rigidez em que estava o seu corpo, ele morreu várias horas antes de ser encontrado.

De acordo com a porta-voz da polícia, Jennifer Wu, os outros clientes do cibercafé continuaram a jogatina, como se nada tivesse acontecido. Ela ainda afirma que Hsieh estava desempregado e passava bastante tempo no local.

O estabelecimento afirmou à imprensa que o rapaz era participante ativo de maratonas de games. "Já o vimos dormindo de bruços, cansado sobre a mesa. Justamente por causa disso que não tivemos o conhecimento de sua condição no começo", relatou um dos funcionários.

Não é a primeira vez que as maratonas e corujões fazem vítimas em Taiwan. No começo do ano passado, um jogador de 38 anos também foi encontrado morto em um cibercafé na cidade de Taipei - ele havia passado cinco dias seguidos jogando sem parar. Já em 2012, outro rapaz morreu após outra dessas maratonas e os funcionários só perceberam que o rapaz havia morrido 10 horas depois do ocorrido.

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.