Forever Alone: homem paga US$ 42 mil para conversar com modelo erótica na webcam

Por Redação | 13 de Janeiro de 2014 às 07h25

Ao mesmo tempo que facilita nossas vidas com suas ferramentas e encurta distâncias promovendo o encontro de pessoas afastadas demograficamente, a internet também nos torna solitários e, se não tomarmos cuidado, sem noção. É o que aconteceu a um australiano, que desembolsou US$ 42 mil para ter uma hora de encontro virtual com Mistress Madeline.

Mas, ao contrário do que você pode estar imaginando, Madeline não é a namorada do rapaz, tampouco sua esposa, mas sim uma modelo erótica que faz exibições online para clientes que a pagam para realizar seus desejos e fetiches.

A transação foi recebida com entusiasmo pelo site em que Madeline se apresenta, o Kinky.com. A ele, a disputada modelo revelou que "as pessoas pagam pela ambiguidade que uma relação virtual através da webcam pode criar e para satisfazer seus fetiches". "As pessoas podem ser exatamente quem elas querem ser na internet e acabam optando por um relacionamento online. Outras vezes, elas simplesmente procuram trocas que somente o dinheiro proporciona", explicou Madeline.

De acordo com o Buzz Feed, as transações online que envolvem sexo virtual já geram mais de US$ 2 bilhões todos os anos e mostram que cada vez mais as pessoas procuram esse tipo de entretenimento para fugir de suas rotinas.

No entanto, isso mostra que além de estarmos experimentando cada vez mais o estado de isolamento acompanhado do desejo de ter companhia que caracteriza a solidão, também estamos optando por nos afastar do convívio normal com outras pessoas por vontade própria. Os motivos são vários, mas Tetsuro Saito, especialista em educação no Japão, defende que "a habilidade de se comunicar enfraquece à medida que smartphones e outros aparelhos se tornam uma barreira entre as pessoas".

É o que aconteceu não só com o australiano, cujo nome não foi reveleado, mas com dezenas de milhares de pessoas que optam diariamente pela solução mais fácil de gastar dezenas de centenas de dólares por um encontro virtual com alguém que sequer conhecem ao invés de seguir o caminho natural das coisas.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.