As três melhores práticas para armazenar e gerenciar grandes volumes de dados

Por Redação | 12.08.2013 às 08:00

Em tempos de Big Data, as informações são tratadas como ouro. E se informação é ouro, os dados são como o minério bruto a partir do qual essa informação é destilada. A parte "fácil" dessa história é a mineração de dados, enquanto a parte mais difícil está no processamento de dados em algo útil para o negócio.

A empresa de análise IDC alega que a quantidade de dados digitais armazenados deve dobrar a cada 24 meses e pode crescer 50 vezes mais até 2020. As empresas estão de olho na tendência, mas será que elas estão preparadas para lidar com isso? Ao ver o valor potencial dos dados, as empresas estão cada vez mais ansiosas para coletar, analisar, armazenar e preservar cada byte que puderem.

Diante desse cenário, Douglas Brockett, um veterano no setor de TI que atualmente é CEO da Exablox, elegeu as três melhores práticas simples que as empresas podem adotar para melhorar o armazenamento e gerenciamento de grandes volumes de dados e as divulgou no siliconANGLE.

Automatize os processos e aproveite as maravilhas da desduplicação

Preservar os dados que você passou muito tempo criando faz todo sentido – assim como fazer backups dos arquivos. Mas raramente existe uma razão para manter dezenas ou até mesmo centenas de cópias de arquivos em todo o seu sistema de armazenamento.

A chamada "desduplicação" oferece uma redução de dados por meio da eliminação de repetições. O resultado é uma melhor utilização do espaço de armazenamento, sem esforço adicional, o que, a longo prazo, economiza tempo, dinheiro e recursos.

Arquitetura de armazenamento de dados ideal

É importante considerar qual a arquitetura de armazenamento que funciona melhor para o seu tipo de negócio. Uma escolha consciente evita upgrades e questões que envolvem a migração de dados. Em geral, as empresas precisam pesar a aparente simplicidade e familiaridade de uma arquitetura com o seu desempenho a longo prazo e suas vantagens econômicas.

Concentre-se em um software que compreenda plenamente o valor da solução de armazenamento

Apesar de os fornecedores não enfatizarem esse detalhe, a maior parte do valor entregue pelas soluções de armazenamento realmente vem da inteligência de um software. Portanto, certifique-se sempre de perguntar sobre a capacidade do software para ajudar a gerenciar seu armazenamento de dados.