Telegram alfineta mudança na política de privacidade do WhatsApp

Por Redação | 25.08.2016 às 23:01 - atualizado em 26.08.2016 às 17:20
photo_camera Desiree Catani

Nesta quinta-feira (25), o WhatsApp anunciou uma mudança em sua política de privacidade que gerou polêmica entre os usuários. Para quem não sabe, a partir de agora o mensageiro começará a compartilhar os dados de seus usuários com o Facebook, o que não está agradando a muitos.

De acordo com o WhatsApp, a iniciativa permitirá que haja maior integração entre os serviços, dando abertura, inclusive, para melhorias na segurança e na experiência dos usuários. Como a aceitação da nova política é obrigatória para continuar a utilizar o mensageiro, algumas pessoas estão questionando sobre a influência da conexão entre os serviços na proteção de informações.

Em comunicado, o WhatsApp garantiu que a criptografia de ponta-a-ponta não será comprometida: "Mesmo que estejamos trabalhando em colaboração com o Facebook, suas mensagens criptografadas permanecerão privadas e ninguém mais poderá lê-las. Nós, o Facebook ou qualquer outra pessoa estaremos impossibilitados de ler as suas mensagens."

Diante da repercussão da mudança, o mensageiro rival, Telegram, fez questão de alfinetar o WhatsApp em um tweet: "Ao contrário de outros serviços, quando nós dizemos que não compartilhamos seus dados com terceiros, nós realmente falamos sério.”

Unlike other services, when we say we don't share your data with third parties, we mean it. https://t.co/pyOS2407Fh