Microsoft lança aplicativo iOS para criar coleções digitais

Por Redação | 10 de Julho de 2016 às 18h45

A incubadora de aplicações experimentais da Microsoft, o Garage Project, anunciou o lançamento de um novo aplicativo para iOS que transforma coleções físicas em arquivos digitais. O aplicativo, chamado de Thinga.Me, está disponível apenas em uma versão beta, sem data de lançamento definida. Seu principal atrativo é a possibilidade de criar coleções digitais baseadas em coleções físicas que o usuários já tenha.

O aplicativo oferece prateleiras digitais que mostram fotos de cada objeto na coleção do usuário. O Thinga.Me gera automaticamente recortes de cada objeto, dando uma sensação que algo mais tangível do que apenas simples fotografias. "Esse simples ato faz sentir menos como uma foto e mais como uma coisa física", disse a Microsoft. Para deixar as coleções mais reais, o aplicativo oferece uma variedade de ambientes para armazenar as fotografias, como uma estante de madeira ou um mural. Depois que os usuários terminarem uma coleção, eles podem compartilhá-las com seus amigos.

Os recortes de objetos é essencialmente uma característica única do aplicativo que o ajuda a distinguir-se de outros apps, como o Boxes ou o Sortly, que oferecem soluções de digitalização e organização de acervos físicos. O Thinga.Me aposta na visão computacional para se destacar. Tal tecnologia está em alta em um mercado que conta com Google, Snapchat e Twitter que recentemente adquiriram startups de aprendizado de máquina para ajudar câmeras de smartphones a reconhecerem objetos físicos.

O aplicativo não está disponível na App Store. Se você tem interesse em obter o Thinga.Me, basta acessar a página oficial de inscrição do aplicativo.

Fonte: Thinga.Me, The Verge

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.