"Heal": Aplicativo envia médicos para atendimento na casa do paciente

Por Redação | 20.04.2015 às 18:21
photo_camera Foto: Divulgação/Heal

As empresas estão aproveitando a cada vez mais da tecnologia dos aplicativos para smartphones e tablets e oferecendo os seus serviços através deles. Além de entrega de comida, compras de supermercado e aluguel de veículos, como é o caso o Uber, agora a novidade chega na área da saúde.

Disponível apenas para iOS, o app Heal promete oferecer atendimento médico geral na residência em apenas uma hora. A criadora do aplicativo e especialista em rins, Dra. Renee Dua, comenta que teve a ideia do projeto depois de passar uma noite inteira no hospital com o seu filho recém-nascido.

"Foi horrível. Quando seu filho está doente, você precisa de uma maneira simples e rápida de obter um médico", desabafa, dizendo ainda que durante o ocorrido ela precisou esperar por horas, pois não havia nenhum pediatra disponível.

A médica comenta que os usuários de smartphones ficariam surpresos com a tecnologia oferecida nos dias de hoje. "Há monitores de frequência cardíaca que se conectam ao smartphone e ferramentas que transformam a câmera do smartphone ou tablet em um microscópio de alta qualidade", afirma.

Dra. Dua diz que o profissional solicitado a comparecer à casa do paciente tem capacidade de fazer diversos exames, juntamente com um assistente responsável por coletar todas as informações necessárias para que seja feito o diagnóstico preciso. Os serviços do Heal custam US$ 99 por visita e funcionam todos os dias da semana, das 8h às 20h. O app também pode levar remédios para a casa do paciente e, futuramente, poderá aplicar vacinar e fazer exames de ultrassom.

Inspirado no Uber, o Heal tem como objetivo poder enviar ao paciente o médico que estiver mais próximo do local da solicitação. Em breve, o Android também receberá suporte so serviço.

O app está sendo testado e funciona apenas em Los Angeles e São Francisco, nos Estados Unidos.

Fonte: Tech Crunch