Google nega existência de versão móvel do Maps na China

Por Redação | 16 de Janeiro de 2018 às 15h59
photo_camera divulgação
TUDO SOBRE

Google

Ontem (14), o noticiário internacional informou que a Google estaria, enfim, conseguindo mais presença na China, levando uma versão otimizada do Maps para smartphones para lá. Mas, hoje (15), a gigante negou os rumores, que foram originalmente lançados pelo site japonês Nikkei.

Esta seria a primeira vez que o Maps chegaria ao universo mobile China em oito anos, desde que serviços da Google foram banidos por lá. O governo chinês tem uma política bastante rígida com relação ao controle de sua internet, fornecendo versões próprias e controladas pelo governo de plataformas como ferramentas de busca e redes sociais.

Em comunicado oficial, a gigante declarou que "não houve mudanças no Google Maps na China; o Maps pode ser acessado pelo desktop há anos, mas não tem uma presença oficial em lojas de apps para Android ou iOS na China".

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

O app do Google Maps foi removido do território chinês em 2010, quando a empresa se recusou a fornecer determinados dados de resultados de buscas ao governo. Desde então, o Maps está disponível de maneira limitada no país, mas outros serviços da gigante, como o Tradutor, por exemplo, já têm apps móveis para os usuários chineses.

Fonte: Reuters

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.