Facebook Messenger ganha ferramenta de denúncia com nova atualização

Por Jessica Pinheiro | 16 de Maio de 2018 às 10h59

Chega de ficar calado enquanto é assediado por alguém no Messenger. O Facebook anunciou nesta terça-feira (15) que o mensageiro foi atualizado e ganhou ferramentas para denúncia, permitindo que os usuários Android e iOS relatem quem está violando os Padrões da Comunidade. De acordo com a empresa, uma vez que o alerta for enviado, a mensagem será analisada rapidamente.

Para encontrar as novas opções no Messenger para dispositivos móveis basta ir até o menu Contato, acessível após tocar no nome da pessoa que estiver conversando no momento. Um dos últimos botões exibe uma pergunta, indagando se “algo está errado?”. Toque nele e uma lista de ofensas será exibida, permitindo que você escolha uma opção.

As ofensas listadas incluem incitação ao ódio ou até mesmo se a pessoa está se passando por outra enquanto conversa com você. Vale ressaltar que neste mesmo menu é possível ignorar ou bloquear o infrator para evitar que novas mensagens sejam compartilhadas.

Hadi Michel, gerente de produto do Messenger, afirmou que é importante fornecer opções de denúncia mais detalhadas no aplicativo, pois esse processo torna a análise mais rápida para a equipe de Operações da Comunidade. “Eles analisam relatórios em mais de 50 idiomas. Isso significa que nossa comunidade verá os problemas tratados com mais rapidez para que eles possam continuar a ter experiências positivas no Messenger”, acrescenta o executivo.

Além desses recursos, o Facebook também lançou o Portal da Juventude, cujo objetivo é ajudar adolescentes a navegarem nas configurações de privacidade da rede social. Desta forma, eles podem encontrar as ferramentas de que precisam para denunciar conteúdos na plataforma. A área possui quatro segmentos. O primeiro é uma seção de educação que compartilha informações sobre segurança, explica as políticas de dados da empresa e como é possível aproveitar ao máximo os diferentes produtos da marca.

A segunda seção contém dicas de segurança, informações sobre o que compartilhar; já a terceira compartilha conselhos e diretrizes sobre mídia social e sobre o uso da internet em geral. Por fim, a última área do portal traz perspectivas de adolescentes, dando voz a eles para que falem sobre como os jovens estão usando o Facebook e outras tecnologias de maneiras diferentes.

Fonte: Digital Trends

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.