Brasileiros fazem questão de ter criptografia no Whatsapp, diz pesquisa

Por Redação | 30.01.2017 às 16:30

O Brasileiro realmente ama usar o seu WhatsApp. Cerca de 100 milhões de habitantes do país usam o aplicativo para trocar mensagens, fazer ligações e enviar arquivos como fotos, áudios e vídeos. E, segundo uma pesquisa do Datafolha, ele também preza pela privacidade no uso do app. De acordo com o levantamento, 94% dos usuários acham a criptografia de mensagens no app algo essencial.

O estudo mostra que os usuários brasileiros não querem qualquer mudança no sistema em relação à segurança. 57% dos entrevistados afirmaram que acreditam que o WhatsApp tem o mais alto nível de segurança para troca de informações sensíveis como dados pessoais e financeiros.

A confiança no sigilo do aplicativo é traduzida em números. Sete entre cada 10 usuários do WhatsApp no Brasil (71%) usam o app para enviar mensagens pessoais ou confidenciais, incluindo informações particulares ou familiares, conversas de negócios, assuntos íntimos, informações sobre saúde, documentos ou dados financeiros.

Pelo fato do app ter uma segurança maior na troca de suas mensagens, ele também é usado para fins de negócios. 42% dos usuários trocam mensagens com comércios, prestadores de serviço, de saúde ou gerentes de banco, entre outros, usando o WhatsApp.

Em meio ao ambiente de trabalho, o aplicativo também é usado amplamente. Entre aqueles que usam WhatsApp para negócios, 59% trocam mensagens com colegas de trabalho e 27% com clientes.

De acordo com o levantamento do Datafolha, entrevistou 2.363 pessoas de 130 cidades em todas as regiões do Brasil, os usuários não são favoráveis às decisões judiciais que bloquearam o WhatsApp temporariamente em função de sua recusa a divulgar dados confidenciais dos usuários.

Fonte: Convergecom