BitTorrent lança versão web do uTorrent

Por Eduardo Hayashi | 06 de Setembro de 2018 às 11h43

Nesta semana, a BitTorrent lançou o uTorrent Web, que funciona como uma espécie de navegador dedicado para download e reprodução de conteúdos baixados.

Embora o termo BitTorrent também se refira à rede de compartilhamento de arquivos, comumente associado a atividades de pirataria, ela também é o nome da empresa responsável pela criação do protocolo e de dois dos clientes mais famosos da atualidade: o BitTorrent e o uTorrent.

Apesar de o uTorrent Web já estar acessível há alguns anos em sua versão beta, a ferramenta foi liberada em sua versão estável nos últimos dias. O programa conta com as mesmas funções de download de arquivos do cliente original, no entanto todos os processos de transferência de dados são feitos a partir de um navegador, sendo esta a diferença básica entre a versão comum e a Web.

Tela principal do uTorrent Web (Imagem: VentureBeat)

Um dos destaques da ferramenta é a função de reprodução de arquivos sem a necessidade de baixar os conteúdos, funcionando por streaming, similiar ao método adotado em serviços como YouTube e Netflix.

Para ter acesso ao uTorrent Web, é necessário realizar a instalação do arquivo executável, disponível no site oficial do programa. Feito isso, basta abrir um arquivo no formato torrent a partir da ferramenta ou inserir um magnet link na ferramenta. Além disso, também há como fazer pesquisas por conteúdos a partir do Google.

(Imagem: VentureBeat)

Há também outras funções mais tradicionais de configuração, como definir o local onde os arquivos baixados serão salvos, inicializar o aplicativo junto com o sistema operacional, limpar o histórico de pesquisas e definir o cliente como principal. No momento, o programa só está disponível para Windows, embora a empresa já esteja trabalhando em versões para macOS e Safari.

Conforme explicou Cory Keller, designer de produtos da BitTorrent, a principal proposta do uTorrent Web é oferecer uma solução mais simples e intuitiva para usuários que ainda não estão acostumados com o download por meio de redes peer-to-peer (P2P). Além disso, com o lançamento da variante Web, Cory garantiu que o uTorrent Classic não será abandonado, permanecendo na lista de programas que receberão diversas atualizações no futuro.

Fonte: VentureBeat

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.