Airbnb lança possibilidade de pagamento em grupo após pedidos dos clientes

Por Redação | 29 de Novembro de 2017 às 14h08
photo_camera divulgação

No Natal do ano passado, Brian Chesky, CEO co-fundador do Airbnb, perguntou aos clientes que o seguiam no Twitter: "Se o Airbnb pudesse lançar algo em 2017, o que seria?".

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Uma das respostas mais bem avaliadas pelos usuário foi a opção de dividir o valor das estadias entre grupos de viajantes. O que seria uma ótima solução para aquela bagunça de transações bancárias antes de alugar uma hospedagem para as férias entre amigos e parentes virou realidade: está disponível desde ontem (28) para clientes do Airbnb de todo mundo a opção de dividir as despesas entre um grupo.

Uma pesquisa feita pelo aplicativo descobriu que quatro em cada cinco viajantes residentes nos EUA que utilizaram os serviços do Airbnb estiveram em viagens em grupo nos últimos cinco anos. Esses resultados e o pedido pelo Twitter foram determinantes para que a empresa testasse a feature nos últimos meses. Mais de 80 mil grupos de viajantes divididos entre 175 países e utilizando 44 moedas diferentes fizeram parte do teste do novo recurso, que agora está disponível em todo o mundo.

Mas como funcionará o recurso? Quando o organizador da viagem fizer a solicitação de reserva em um dos estabelecimentos que aceitam a divisão de pagamento, uma das parcelas será cobrada no cartão de crédito do organizador e o anfitrião responsável esperará mais 72 horas para receber as parcelas dos outros membros do grupo. O status dos pagamentos pode ser acompanhado por meio da página "Suas Viagens". Um e-mail lembra todos os indivíduos do grupo que ainda não fizeram o pagamento de suas partes quando o prazo de 24 horas é atingido, para que ninguém perca a reserva feita por se esquecer do compromisso.

Para o Airbnb, a novidade trará mais praticidade para os grupos de viajantes. Trinta por cento dos grupos que viajaram durante o período de testes do novo método de pagamento contavam com, ao menos, um cliente que nunca havia utilizado os serviços da empresa antes, o que significa que a medida, além de útil aos clientes, contribui para o crescimento do Airbnb.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.