Snapchat admite falhas e promete mudanças

Por Redação | 09 de Maio de 2014 às 15h16
TUDO SOBRE

Snapchat

O Snapchat assinou nesta semana um acordo com a agência reguladora do mercado estadunidense, a Federal Trade Comission (FTC), comprometendo-se a mudar suas estratégias de marketing e a Política de Privacidade do aplicativo para dispositivos móveis. Os desenvolvedores do app que oferece troca de mensagens supostamente efêmeras falaram sobre o caso no blog oficial do serviço.

"Quando começamos a construir o Snapchat, nosso foco era desenvolver uma forma única, rápida e divertida de se comunicar com fotos. Aprendemos muito com os primeiros dias. E uma das maneiras que aprendemos foi errando, absorvendo os erros e consertando-os.

Enquanto estávamos concentrados desenvolvendo o aplicativo, algumas coisas chamaram mais a atenção do que deveriam. Uma delas foi que devemos ser mais precisos ao nos comunicarmos com a comunidade do Snapchat. Na manhã desta quinta-feira (8) consentimos com o acordo do FTC. Mesmo antes da notificação da comissão, já tínhamos decidido que precisávamos resolver questões que nos preocuparam durante todo o ano passado, como melhorar os textos de nossa Política de Privacidade, descrição do aplicativo e notificações em tempo real. E continuamos investindo pesado em segurança e outras medidas para prevenir abusos.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Somos devotos em promover a privacidade do usuário dando controle aos Snapchatters e a quem eles se comunicam. É uma coisa que levamos a sério e sempre levaremos", diz o comunicado.

O FTC acusa o Snapchat de fazer propaganda enganosa ao dizer que o conteúdo "some para sempre", já que encontrou indícios de que é possível recuperar imagens, por exemplo, seja por falhas no aplicativo ou com o uso de softwares de terceiros. Além disso, a comissão encontrou inúmeras falhas de segurança que tornam a prometida privacidade uma oferta questionável.

Com o acordo assinado junto ao FTC, o Snapchat se compromete a mudar sua publicidade e Política de Privacidade, além de investir em segurança de dados. Os desenvolvedores também ficarão 20 anos sob intensa fiscalização da agência.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.