Lembra do ICQ? Ele está 'de volta' e quer competir com WhatsApp

Por Caio Carvalho | 07 de Julho de 2014 às 18h20

Para quem utiliza a internet desde a década de 1990, com certeza está acompanhando o fim de inúmeros programas e aplicaivos que marcaram época, entre eles o MSN Messenger, descontinuado em março de 2013 para dar lugar ao Skype, e mais recentemente o Orkut, que deixará de existir a partir de setembro deste ano. No meio de tantas ferramentas canceladas, uma sobrevive: o ICQ, sucesso nos anos 2000 e que tenta se manter nos dispositivos dos usuários com a implementação de novas funcionalidades.

Pois bem. O app, que voltou oficialmente em 2012, ganhou alguns recursos para bater de frente com concorrentes de peso, como o Viber, WeChat, Line, Skype e WhatsApp. Desde a semana passada, o grupo Mail.Ru, dono do bom e velho programa de bate-papo virtual, liberou uma atualização que remodela por completo o ICQ. Na prática, isso significa que o software está pronto para entrar na briga dos serviços de mensagens instantâneas, principalmente no universo dos tablets e smartphones.

Com novo design, o ICQ agora permite a criação de grupos de amigos para conversar, assim como no WhatsApp, bem como realizar chamadas de voz, recurso presente no Viber, e chamadas em vídeos, como já acontece no Skype. Também é possível enviar arquivos de áudio, vídeo ou imagem, incluindo DOCs e PDFs. A maior novidade é uma opção de envio de mensagens SMS para usuários que não possuem o app instalado no aparelho, e as conversas são exibidas dentro do próprio ICQ, sem a necessidade de deixar o app de SMS aberto.

A boa notícia é que todos esses recursos são gratuitos, tanto no computador quanto em dispositivos móveis. Para utilizar é simples: no primeiro acesso, você digita seu número de celular e espera o recebimento de um código de verificação via SMS para validar sua conta. Se você já era cadastrado no serviço, basta fazer login com seu ID antigo. Feito isso, é só começar a usar o aplicativo. E para os nostálgicos de plantão, o famoso som de notificação "oh oh" continua lá.

O ICQ já está disponível para download em aparelhos com sistema operacional iOS, Android e Windows Phone, além dos PCs. Para baixar, acesse o site da empresa e selecione sua plataforma.

Criado em 1996 por quatro israelenses, o ICQ foi um dos primeiros mensageiros instantâneos na internet, mas só alcançou fama aqui no Brasil no final dos anos 1990 e início dos anos 2000. Seu nome é um acrônimo de "I Seek You" ("Eu Procuro Você", na tradução livre). Nas primeiras versões, seu layout era bem simples: a janela de conversa não era dividida em duas partes, como acontecia no MSN, nem havia formatação de fonte, emoticons, foto (ou avatar), acesso a webcam e outros recursos. Atualmente, o ICQ está na versão 8.

Leia também:

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.