Aplicativos de saúde e fitness são os que mais ganham mercado, aponta relatório

Por Redação | 20 de Junho de 2014 às 08h48

Um novo relatório da Flurry Analytics revela que os aplicativos voltados para saúde e fitness estão crescendo em um ritmo mais acelerado até agora do que o mercado global de aplicativos em 2014. A empresa de análise aprofundou-se nos dados de mais de 6.800 aplicativos para iPhone e iPad e acabou constatando um crescimento de 62% nos apps desse tipo nos últimos seis meses, enquanto que os demais tiveram uma média de crescimento de 33%. Comparando um com o outro, as aplicações para o bem estar físico crescem 87% mais rápido do que qualquer outra.

Os dados demonstram porque tanto a Apple como o Google estão procurando aumentar sua presença no ecossistema fitness e wearables com o HealthKit e o Google Fit, ambos destinados a facilitar o compartilhamento de dados sobre saúde e criação de apps com base nesses dados disponibilizados pelos dois sistemas.

O mercado de dispositivos vestíveis e os aplicativos relacionados deverão se expandir ainda este ano com o lançamento de produtos que aproveitam essas estruturas. Apesar disso, a Apple não deverá realizar o lançamento do HealthKit nos próximos meses, já que, ao que parece nos comerciais da empresa, os aplicativos utilizados da categoria são os que já estão presentes no mercado para iPhone atualmente.

A pesquisa da Flurry também contém uma análise mais detalhada sobre os usuários mais ativos de aplicativos de saúde e fitness. A intenção do estudo foi procurar características particulares de faixa etária para ver quem mais se destaca na utilização desses aplicativos. Os dados revelam, por exemplo, que 62% do grupo analisado são mulheres. Na faixa etária entre 25 e 54 anos, os usuários utilizam consideravelmente mais os aplicativos de saúde e fitness do que nas outras faixas de idade.

Pesquisa de usuários Fitness Health
Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!