73% dos brasileiros utilizam o WhatsApp o dia todo

Por Redação | 03 de Maio de 2016 às 21h25
photo_camera Divulgação

Mais do que um simples aplicativo para conversar com os amigos, o WhatsApp se tornou a principal ferramenta de comunicação para a maioria dos usuários e empresas nas cidades. Esse é o resultado de uma pesquisa da agência nova/sb, que constatou que o mensageiro, cujo dono é o Facebook, é usado o dia todo por 73% dos mais de 100 milhões de brasileiros que possuem o app em seus dispositivos.

Além de serem usuários frequentes, 79% dos brasileiros recomendam o uso para amigos e familiares – caso estes ainda não tenham feito o download do serviço. Segundo o relatório, o alto índice de adoção do aplicativo se dá pelos seguintes motivos: rapidez na comunicação (33%), economia na conta do celular (19%) e facilidade de falar com várias pessoas ao mesmo tempo (17%).

Para essa pesquisa, o levantamento teve fases qualitativas, com grupos focais, e depois quantitativas em entrevistas online com pessoas acima de 18 anos, moradoras das cinco regiões do país, ao longo do ano de 2015. Na primeira etapa, entrevistas com 60 grupos focais definiram 18 temas mais populares entre os brasileiros em 2015, segundo critérios de informação, importância e impacto. Em seguida, foram feitas entrevistas com quase 7.500 pessoas, acima de 18 anos, distribuídas no Sudeste (45%), Nordeste (20%), Norte e Centro-Oeste (20%) e Sul (15%).

"Os brasileiros já mostraram ao mundo que são apaixonados por se comunicar e compartilhar experiências, vide a nossa liderança em várias redes sociais. E o WhatsApp não é mais apenas um aplicativo; tornou-se quase um serviço essencial para facilitar a vida nas cidades", destaca Bob Vieira da Costa, sócio fundador da nova/sb. "O consumidor do país está mais atento às possibilidades de economia, sobretudo em momento de crise. Ou seja, ninguém quer abrir mão do direito conquistado de falar com mais gente de forma quase gratuita", completa.

Para Vieira, o bloqueio da ferramenta – que ficou inacessível no Brasil pela segunda vez nesta semana, mas que já voltou ao ar – só contribuiu para aumentar sua popularidade. "A decisão de bloquear o WhatsApp só poderia dar nisso: mais gente falando sobre o aplicativo. Hoje ele faz parte da vida do brasileiro, popularizou-se e integrou as relações sociais também no trabalho".

Outros apps

Além do WhatsApp, o estudo da nova/sb verificou que, entre os temas mais populares medidos entre os usuários, estão os aplicativos de táxi, seguido pela ferramenta de navegação Waze. Mesmo em um ano de crise econômica, o brasileiro se interessou por assuntos que estão diretamente relacionados a estratégias de consumo, como pontos e milhas em companhias aéreas, comparadores de preços e crédito em banco.

Veja abaixo o ranking completo:

  1. WhatsApp
  2. Aplicativos de táxi
  3. Waze
  4. Compras de Mês
  5. Pontos / milhas
  6. Comércio por dispositivos móveis
  7. Combate à Homofobia
  8. Comparadores de Preços
  9. Ciclofaixas
  10. Faixas Exclusivas
  11. Marcas Próprias
  12. Educação Formal
  13. Consumo de álcool por menores de idade
  14. Crédito em Banco
  15. Descriminalização da maconha
  16. Ampliação de rodízio de carro
  17. Pedágio urbano
  18. Economia de água
Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.