13,4 bilhões de apps foram baixados no 1º tri; Apple lidera ganhos com vendas

Por Redação | 09 de Abril de 2013 às 15h15
photo_camera CNET

Com o aumento da dependência das pessoas aos seus dispositivos móveis, o mercado de aplicações também tem apresentado crescimento significativo. Segundo levantamento da empresa de pesquisas Canalys, as quatro principais lojas de aplicativos atingiram a marca de 13,4 bilhões de downloads em todo o mundo somente no primeiro trimestre de 2013, apresentando aumento de 11% em comparação a todos os trimestres de 2012 juntos.

"Os aplicativos têm um enorme impacto sobre a forma como os consumidores usam seus dispositivos móveis, o que eles valorizam e o que eles esperam dos seus smartphones e tablets", afirmou em nota oficial Adam Daum, analista-chefe da Canalys. "Agora, eles são o ponto central de como os consumidores interagem com conteúdos e serviços conectados, e como eles personalizam seus aparelhos em torno dos aplicativos mais importantes para o seu dia a dia".

A iTunes App Store, a Google Play, a Windows Phone Store e a BlackBerry World são as principais lojas de aplicativos do mundo e, juntas, obtiveram receita total de US$ 2,2 bilhões (R$ 4,3 bilhões) com a venda de aplicações no primeiro trimestre, aumento de 9% em comparação a 2012. A loja da Apple ficou no topo da lista e fechou o período com 74% de participação no mercado de aplicativos.

Em número de downloads efetuados, a Google Play lidera o ranking com cerca de 51% do total combinado entre todas as lojas, enquanto a App Store ficou em segundo lugar. Daum afirmou que as lojas do Google e da Apple são as principais no mercado de apps e as lojas da Microsoft e da BlackBerry ainda ficam muito distantes das duas gigantes, embora não possam ser descartadas do montante de aplicativos vendidos e baixados.

Mesmo com muitos desenvolvedores e companhias tentando arrecadar com a produção de aplicativos, apenas algumas poucas empresas estão obtendo bons lucros com este setor. Segundo outro levantamento da Canalys, feito em novembro do ano passado, apenas 25 desenvolvedores incluindo Rovio, Zynga, Electronic Arts e Disney geraram metade de toda a receita adquirida pelo mercado móvel, com faturamento conjunto somente nos Estados Unidos de US$ 60 milhões (R$ 119 milhões).

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.