Google libera oficialmente versão final do Android 7.0 Nougat

Por Redação | 22 de Agosto de 2016 às 14h52
photo_camera Divulgação

A nova versão do sistema operacional Android começou a ser liberada nesta segunda-feira (22). Batizado de Android 7.0 Nougat, o software, como já é tradição, chega primeiro aos dispositivos da família Nexus.

De acordo com o Google, o download da plataforma está disponível nos seguintes aparelhos: Nexus 6, Nexus 5X, Nexus 6P, Nexus 9, Nexus Player, Pixel C e General Mobile 4G (Android One). Usuários inscritos no programa beta do Android também poderão baixar essa versão final. O primeiro celular que virá com o Nougat instalado de fábrica será o LG V20, que ainda não tem data para chegar ao mercado.

Os gadgets citados acima receberão uma atualização over the air (OTA) para baixar o sistema. Lembrando que o update não é imediato, ou seja, é provável que aqui no Brasil demore alguns dias até que ele seja lançado. Mas é só questão de tempo, já que o próprio Google está liberando o Nougat. Infelizmente, o Nexus 5 está de fora da atualização - pelo menos por enquanto -, já que o smartphone tem mais de 18 meses de vida desde o seu lançamento.

Comparado ao Marshmallow, o Android Nougat tem poucas mudanças visuais, pois mantém as principais características do Material Design. Entre as novidades da plataforma estão 72 novos emoticons, que se juntam aos já 1.500 existentes, bateria mais inteligente com modo de economia de energia, configurações de acesso rápido a recursos (Bluetooth, Wi-Fi, lanterna), suporte a múltiplos idiomas e mais opções para o usuário personalizar seu telefone.

Android 7.0

Imagem: Divulgação

Outra característica do Nougat é o suporte à API avançada de renderização 3D VulkanTM, que impulsiona o processador do dispositivo para trazer a melhor experiência (visual e de hardware) em games e outros conteúdos. O Daydream, plataforma do Google para realidade virtual móvel, também é suportada pelo novo sistema operacional. Além disso, o Nougat conta com ferramentas de produtividade e com foco no trabalho, como multijanelas, resposta direta, para abrir notificações sem precisar abrir um app, e troca rápida entre dois aplicativos abertos simultaneamente.

O Google também destaca que esta é a versão mais segura do Android já desenvolvida. Para isso, a empresa implementou uma criptografia baseada em arquivo capaz de isolar e proteger esses dados para usuários individuais no dispositivo, além de um recurso de inicialização direta, que executa os aplicativos com segurança antes de desbloquear o aparelho após uma reinicialização. A partir de agora, todas as atualizações serão instaladas em segundo plano, sem a necessidade de reinicializar o telefone ou tablet.

Android 7.0

Imagem: Divulgação

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.