Android: melhore o desempenho do seu gadget desativando apps pré-instalados

Por Redação

Uma das grandes vantagens do Android é poder moldá-lo aos seus gostos de todas as formas, alterando desde um papel de parede a até mesmo o sistema executado em seu smartphone. Quem compra um gadget com o SO nem sempre fica feliz com as modificações feitas pela fabricante do dispositivo, mas é bom saber que em praticamente todos os casos é possível reduzir ou remover completamente as alterações feitas no software do aparelho.

Abaixo você vai encontrar algumas dicas para dar uma faxina no software do seu dispositivo. Embora os procedimentos tenham sido executados no Android 6.0 Marshmallow da Sony, eles podem ser facilmente reproduzidos em todos os aparelhos com o Android 4.4 KitKat ou superior.

É válido lembrar que nenhum dos passos aqui descritos viola os termos de garantia das fabricantes. Mas não recomendamos que você fuja do que é apresentado no tutorial, já que é possível sim perder o suporte ao dispositivo caso sejam feitas alterações mais profundas no software, tais como o root ou a troca de ROMs e custom ROMs.

Desative os aplicativos que não podem ser desinstalados permanentemente

Dicas Android

(Foto: Reprodução/Canaltech)

Convenhamos, nem sempre você vai utilizar todos os aplicativos que vêm pré-instalados no sistema. Muitas vezes, é possível encontrar utilidade em algum software e até mesmo dispositivos de interface mais enxuta, como os da Motorola, sofrem com a falta de aplicativos mais básicos pré-inseridos no sistema. Se você está a fim de se livrar de alguns aplicativos e não instalar mais softwares, uma boa opção pode ser desativá-los.

Desde o Android Jelly Bean 4.3 é possível desativar aplicativos pré-instalados que não podem ser removidos permanentemente. Geralmente é possível desativar tudo que não é base para o funcionamento do sistema, desde aplicativos como o calendário da fabricante a até mesmo serviços do Google, como o Play Music. É válido lembrar que um aplicativo desativado não libera tanto espaço na memória quanto um desinstalado para sempre — na maioria dos casos o software só deixa de ser executado e para de acumular dados.

Para desativar apps na maioria dos aparelhos Android você deve seguir para a tela de configurações do dispositivo, procurar a opção relacionada aos Aplicativos instalados, acessar as informações do software a ser desabilitado e então pressionar o botão 'Desativar'.

Instale um launcher de terceiros

Dicas Android

À esquerda temos o launcher oficial do dispositivo, à direita customizamos a tela inicial com o Nova Launcher (Foto: Reprodução/Canaltech)

Muitas vezes, o grande problema de uma interface Android se resume à tela inicial do dispositivo. O ponto que pode incomodar você no launcher empregado pela sua fabricante pode variar muito, indo desde baixa performance, com transições lentas e carregamento arrastado, ao simples fato de o design utilizado não agradar tanto. Desde suas primeiras versões, o Android permite que você troque o launcher do seu dispositivo sem muitas dificuldades.

Na verdade, a tela inicial não passa de um aplicativo que pode ser trocado por outros disponíveis na Play Store: as opções também são bastante variadas, há quem oferece launchers mais simples para maior performance e rapidez, e há também quem oferece design customizado e diferenciado. Estas são duas medidas a serem levadas em conta por você na hora decidir entre performance e belezas visuais, para um ganho de agilidade no sistema sempre será recomendado um launcher mais simples e leve.

Dicas Android

(Foto: Reprodução/Canaltech)

A instalação desse tipo de software costuma ser bem simples: você pode procurar na Play Store um launcher do seu agrado e instalá-lo como qualquer outro aplicativo. Assim que você pressionar a tecla home do seu dispositivo, será possível escolher entre a tela inicial padrão ou aquela recém-instalada. É válido lembrar que o sistema sempre perguntará qual launcher deve ser carregado, a menos que você defina um deles para ser executado "Sempre" ao contrário de "Apenas uma vez".

Para voltar à tela inicial padrão do seu gadget, o procedimento mais simples é desinstalar o launcher baixado. Você também pode seguir para as informações do aplicativo e pressionar o botão "limpar padrões".

Desinstale aplicativos e restaure seu aparelho sempre que necessário

Dicas Android

(Foto: Reprodução/Canaltech)

Sempre uma atualização de software é instalada no dispositivo, é possível que ele apresente falhas causadas graças aos arquivos sobrescritos de uma versão por outra. As fabricantes por anos tem tentado reduzir os efeitos desse problema, mas é fato que, depois de muitas atualizações seguidas, a melhor coisa a se fazer é restaurar um smartphone para o seu estado de fábrica.

Essas falhas mais simples, mas ainda que podem alterar a funcionalidade do dispositivo ou até mesmo a sua performance, geralmente são corrigíveis por software e evitam que você precise trocar de aparelho ou mandar o gadget para a assistência técnica. Você pode restaurar o seu Android sempre que achar necessário: para fazer isso, basta ir às configurações e procurar opções relacionadas à restauração e backup do sistema.

Vale lembrar que, antes de tudo isso, você deve realizar um backup do que é mais importante para você, como conversas do Whatsapp, sua lista de contatos não sincronizados com o Google e todo o conteúdo de mídia armazenado na memória interna do aparelho.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.