Google libera correção de falha que atingia 99% dos aparelhos Android

Por Redação | 09 de Julho de 2013 às 12h47
Tudo sobre

Google

Na última semana, pesquisadores da Bluebox identificaram uma falha de segurança no Android que era capaz de afetar 99% de todos os aparelhos rodando a plataforma móvel. O Google, por sua vez, tomou conhecimento do problema e acaba de liberar uma correção para o sistema. As informações são do ZDNet.

A falha, que existia desde a versão 1.6 Donut do Android, garantia que um APK (pacote de desenvolvimento de aplicativos para a plataforma) fosse alterado com facilidade, mas sem modificar sua assinatura, o que garantia a integridade da aplicação. Com isso, cibercriminosos eram capazes de instalar com facilidade códigos maliciosos nos aplicativos e, como a assinatura permanecia inalterada, os usuários teriam dificuldades para identificar se algo estava errado com determinado aplicativo.

Gina Scigliano, gerente de comunicações do Android, informou que a atualização do sistema já está pronta e foi liberada para as fabricantes de dispositivos. A informação indica que os usuários ativos de aparelhos com Android devem aguardar para que as fabricantes dos dispositivos façam o repasse da correção de segurança, e rumores afirmam que a Samsung já começou a liberar a atualização para os proprietários do Galaxy S4.

Assista Agora: Descubra o jeito certo de criar verdadeiros times de alta-performance e ter a empresa inteira focada em uma única direção.

A boa notícia é que os usuários não precisam se preocupar tanto com a falha, como revelou Gina. "Nós não vimos qualquer exploração na Google Play ou outras lojas de aplicativos por meio de nossas ferramentas de varredura de segurança para este problema. E os Aplicativos Verificados também oferecem proteção para os usuários Android que costumam fazer download de aplicações fora da Google Play", explicou.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.