Google Play implementa novo sistema de avaliação e classificação de apps

Por Redação | 17.03.2015 às 12:34

Os apps lançados na Google Play agora terão um padrão de qualidade mais "humano". Isso porque o Google anunciou nesta terça-feira (17) que todos os aplicativos Android que entrarem na loja serão primeiramente avaliados pela companhia, um a um. A mudança aconteceu há alguns meses, mas passou despercebida porque nenhum desenvolvedor reclamou ou questionou o assunto.

Antes, os aplicativos eram cadastrados pelos desenvolvedores e publicados imediatamente na loja de apps do Google. Agora, o processo de aprovação envolve um time de especialistas que será responsável por identificar violações e possíveis malwares.

O Google está contando com a ajuda de ferramentas para a detecção de vírus e, caso algo fora do comum seja encontrado, a equipe vai comunicar o desenvolvedor e orientá-lo para que o problema seja resolvido da melhor maneira. A empresa também vai conseguir identificar violação de direitos autorais e aplicativos com imagens sexuais.

Novo sistema de classificação etária

A companhia também está implementando um novo sistema na classificação etária dos apps que estão e que vão entrar na Google Play.

Neste quesito, tudo será feito de maneira automatizada e permitirá que os desenvolvedores respondam a questionários para que, assim, a recomendação seja feita de maneira rápida. A ideia é informar aos pais se as crianças têm idade suficiente ou não para usar o app ou jogo. Além disso, o sistema também detecta classificações incorretas.

Com o intuito de entregar determinados programas para o público certo, a novidade também consegue classificar os apps automaticamente de acordo com os costumes locais de várias regiões. Ao contrário do sistema de avaliação de apps, o sistema de classificação etária entrará em vigor a partir de maio.

Com informações do TechCrunch, Recode e Venture Beat