5 motivos para NÃO comprar o Moto Z Play

Por Adriano Ponte RSS

Um lançamento que deriva da linha Z, manobra que a Lenovo tem usado com a Motorola desde sua aquisição, e que tem confundido o consumidor e trazido controvérsias. Confira agora 5 motivos para NÃO comprar o Moto Z Play.

Preço

A Motorola errou em um sentido claro nos últimos lançamentos, e não seria na linha Z que aconteceria diferente. Estamos falando do preço. Boa parte da sua re-ascensão de 2014 veio por causa do custo benefício agressivo de toda sua linha. Agora, com desempenho médio e corpo "premium", temos um Moto Z Play de R$ 2.199,00 - ou seja, o modelo mais acessível da linha "mais refinada" da fabricante entra com os dois pés no peito de quem pretende comprá-lo.

Não é a prova d'água

Faz algum tempo que esse bônus vem e vai das linhas das fabricantes, e na linha Moto G4 desse ano vimos mais um reforço da Motorola em direção aos aparelhos "que podem tomar chuva, mas não devem ser submersos em água".

Seria o nanorrevestimento contra respingos de líquidos. OK, para a linha Moto G faz sentido, mas para a linha Z e pelo preço que cobra, à prova d'água de verdade é exigência.

Câmera

Houve um momento no passado em que a Motorola não era referencial de câmeras, porém os Moto G 3 e 4 mostraram que a empresa pode entregar resultados intermediários de boa qualidade. Porém, no Z Play, isso foi ignorado gravemente.

A estabilização óptica foi removida, um erro crasso para um produto desse calibre. Mais que isso, o sensor que equipa o Z não mostrou-se capaz em nossos testes de registrar detalhes suficientes para uma BOA foto, seja culpa do hardware ou do software - que suaviza demais as imagens.

Preço dos módulos

O mesmo mal que afeta o Moto Z assombra o Play, afinal, ambos são compatíveis com os Moto Snaps, que adicionam funções para o aparelho modular.

O problema é que "modular" é um apelido carinhoso para o modelo, afinal, você não vai acrescentar RAM ou outros componentes vitais de upgrade. Os módulos são na verdade acessórios (e eles são bem legais), mas são apenas isso. E R$ 1.500,00 (a mais) para ter um projetor preso na traseira do seu aparelho de R$ 2.199,00 não é nada convidativo, por exemplo.

Alto-falante

Fator desprezado por muitos, inclusive pelas grandes fabricantes de smartphones da atualidade. Ok, não todas, mas a Motorola tem sido uma das menos preocupadas com a qualidade do som integrado aos seus produtos.

Apesar de contar a carta na manga de se poder usar o módulo JBL Soundboost na traseira, não existe uma boa experiência direto da caixa (e sem pagar a mais por isso).

Se você ainda está em dúvidas sobre o smartphone, não deixe de conferir o nosso vídeo com 5 motivos para COMPRAR o Moto Z Play.

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome