Asus Zenfone 3 Deluxe [Análise]

Por Adriano Ponte RSS

Modelos de smartphone que não declaram "a que vieram" são um problema, sendo melhores ou piores que os demais com recursos discretamente diferentes dos competidores. Mas e quando um aparelho vem abertamente com um rótulo DELUXE? Confira agora a análise do Zenfone 3 Deluxe

O aparelho

Pesando aproximadamente 170g, temos um Deluxe com cerca de 7.5 mm de espessura num corpo todo construído em metal. Sua aparência é bem sóbria com seu acabamento fosco combinado com os cortes angulados nas arestas do aparelho, criando uma pegada confortável (porém um pouco lisa para os mais desastrados).

Graças ao formato de sua traseira, o encaixe nas mãos é bem interessante. Apesar do tamanho considerável do Deluxe, temos um manuseio bem equilibrado. É evidente que você precisará de duas mãos em alguns momentos, mas na grande parte deles o apoio de uma só mão será mais do que suficiente para manter o conforto ao observar o aparelho por vários minutos.

Mas nem tudo são flores: esse design desfavorece a praticidade do aparelho fora das mãos. A construção do modelo torna a câmera o primeiro ponto de apoio em superfícies todo o tempo, sendo doloroso ouvir o suave ruído dele encostando-se uma mesa. Parece questão de tempo até que algo dê errado.

Fora isso, segue o conector de fones de ouvido no topo do aparelho e a gaveta de cartões SIM/memória na lateral. Na parte inferior do modelo, temos as teclas de navegação capacitivas (que ainda são uma grande solução para navegação no Android sem sacrificar espaço de tela).

O aparelho traz um excelente leitor de impressões digitais integrado em sua traseira, permitindo que o apoiar do indicador faça o acionamento imediato da tela já desbloqueada pela leitura. Novamente vemos essa posição para o leitor como a solução mais natural até o momento para manuseio e ativação de um smartphone, e temos esse reforço por parte da Asus (mais uma vez), agora com o Deluxe.

Para quem ficou esperando o final desta seção onde dizemos que o aparelho possui certificação IP68 e tudo mais... se enganou. O Deluxe não conta com resistência para acidentes aquáticos, uma característica que não é familiar aos segmentos da Asus. Não foi dessa vez.

Especificações

Temos um aparelho equipado com o Chipset Qualcomm Snapdragon 821, contando com:

  • CPU Quad-core (2x2.4 GHz Kryo & 2x2.0 GHz Kryo)
  • GPU Adreno 530
  • 6GB de RAM
  • Armazenamento interno de 256 GB (com suporte microSD)
  • Wi-Fi a/b/g/n/ac
  • Bluetooth v4.2
  • GPS/GLONASS
  • NFC
  • USB-C
  • Suporte Dual-SIM

Durante o período de testes em que estivemos com o aparelho, o modelo rodava o Android v6.0.1 (Marshmallow), com upgrade futuro para o Android 7 (Nougat) programado.

Display e Multimídia

Na frente do Deluxe temos uma massiva tela de 5.7" Super AMOLED, rodando na resolução de 1080 x 1920 pixels (fechando em ~386 ppi de densidade), protegida por Gorilla Glass 4.

Testamos bastante o modelo com cenas variadas de filmes, exibindo imagens com muito contraste e tonalidades variadas. O resultado é que a Asus fez a lição de casa, e presenciamos imagens excelentes, com tons escuros precisos (mesmo em cenas mistas com muita claridade). O preto profundo ajuda diretamente a mistura de cores do resto de cada item na tela, mostrando brilho intenso apenas nos pontos necessários (além de garantir a vivacidade das cores individualmente).

Aprovamos o painel, e apesar da resolução FHD (1080p) parecer uma opção questionável se comparada a outros TOPs de linha, podemos dizer que é suficiente para uma gama de detalhes bem elevada, e consegue impor um respeito considerável. A combinação utilizada no Deluxe é funcional. Nem mais, nem menos.

E temos um dado adicional interessante. Aproveitando as possibilidades do AMOLED, o Deluxe oferece um modo always-on, onde a tela do aparelho sempre mantém uma pequena parte de seus pixels ativada para mostrar as horas todo o tempo, junto com algumas informações úteis logo abaixo.

Usabilidade e Desempenho

Começando pela parte ruim do Zenfone 3 Deluxe. O Android.

Não temos muitas opções fora da linha Pixel para amantes do Android da maneira que é desenvolvido diretamente pelo Google, e o Deluxe não é diferente nesse ponto. Ele traz diversas "soluções" da Asus para o usuário, sendo isso um aglomerado de ferramentas/modificações/aplicativos customizados pela fabricante sobre o Android, alterando itens por todo o aparelho.

Se você busca um aparelho mais próximo do Android padrão, não terá essa experiência neste Asus com sua ZenUI que permeia todo o sistema e painéis.

Agora, vamos para o principal.

Não são todos os dias em que estamos com uma das melhores e mais poderosas opções de smartphone disponíveis na atualidade. Não é exagero, esse é o caso do Snapdragon 821 que equipa o Zenfone 3 Deluxe. Seu kit de CPU e GPU é de altíssimo desempenho, contando com uma quantidade massiva de RAM totalmente fora da curva se comparado aos aparelhos de alto nível que costumamos ver por aqui.

Vale notar que a opção de 256GB de armazenamento que recebemos para testes é de forma definitiva o maior "overkill" possível para uso de um smartphone (ou seja, exagero brutal incondicional imensurável), e a situação só fica mais absurda com a possibilidade de levar para valores imbatíveis esse espaço com expansão via cartão microSD. Não imaginamos que você precise de um nesse caso.

Você tem espaço e potência para instalar qualquer coisa nesse aparelho. Não importa o título nem a intensidade do uso que você dará ao Deluxe - ele vai entregar velocidade MÁXIMA para QUALQUER COISA que você execute.

A definição de exagero é o "mote" do Deluxe. Essa RAM indica isso, esse espaço, esse CHIP. Para você que tem a curiosidade de medir o QUANTO isso é poderoso, passemos para a parte onde mostramos os resultados do Smartphone nos testes GeekBench 4, Antutu e 3DMark, atendendo aos pedidos de Benchmarks que alguns de vocês necessitam para sanar dúvidas. Não esqueçam de comentar sobre o que acharam dos números.

Câmeras

Na traseira do Deluxe temos uma câmera de 23 MP, f/2.0, com detecção de fase e foco laser, além de estabilização óptica (OIS) e capturas de vídeo em 2160p@30fps.

Vamos ser sinceros, começamos as rodadas de testes do Zenfone 3 Deluxe com muita expectativa, afinal a Asus provou no Zenfone 3 padrão que aprendeu como um sensor combinado com pós processamento de respeito conseguem extrair fotos acima da média.

E isso se repetiu no Zenfone 3 Deluxe. O aparelho consegue ir um passo além do esperado em qualidade: ele consegue equilibrar cenas que seriam problemáticas com facilidade ridícula. De forma instantânea, o Deluxe consegue medir e balancear cenas com luz desfavorável e aplicar uma captura adequada. Mesma coisa para ambientes menos iluminados, onde as fotos produzidas saem com quantidade de ruído sob controle (preservando detalhes).

A abertura de f/2.0 faz com que o modelo faça apenas boas fotos pela noite, impedindo que você obtenha um EXCELENTE nesses momentos de luz quase ausente. Apenas fica aqui a observação sobre isso, afinal NÃO é uma área onde o modelo faz DESTAQUE (apesar dos resultados de boa qualidade).

Destalhes, inclusive, são a chave. Já vimos aparelhos que contavam com a mesma quantidade de megapixels que o Zenfone 3 Deluxe produziam fotos enormes (lembrem-se que Megapixels definem o tamanho da imagem), porém com uma suavização tão violenta que tons da mesma cor se uniam num só, criando uma espécie de "degradê" malfeito em zonas mistas. Não é o caso do Deluxe.

As cores são muito bem representadas, detalhes finos são mantidos e zonas de sombra ficam sob controle nas capturas. Vale lembrar que como sempre descrevemos o uso automático da câmera, onde o usuário aponta e clica. Existem modos "mais avançados" para que os resultados fiquem personalizados caso o usuário tenha mais conhecimentos em fotografia, mas não foram eles que pesaram em nossa aprovação para a excelente câmera do Deluxe.

Para a frente do modelo, temos uma câmera de 8 MP, f/2.0, com gravação de vídeos em 1080p. Suas capturas são boas, ficando acima do esperado para selfies. Não espere uma riqueza de detalhes similar a traseira, claro.

Dessa forma fechamos essa seção com uma mensagem clara: o Deluxe está entre os melhores aparelhos para fotografia da atualidade.

Bateria e Acessórios

Movendo o Deluxe temos uma bateria de apenas 3000 mAh. Notem uma coisa, quando dizemos "apenas" é pelo tamanho de sua tela, visto que existem aparelhos de outras fabricantes que em corpos capazes de abrigar uma tela de 5.5" trazem baterias com valores ACIMA dos 3.000 mAh; no caso do Deluxe são 5.7" de tela, e uma bateria com exatos 3000 mAh.

Seria isso resultado de uma Asus preocupada com espessura em vez de usabilidade? Completar esse desnível entre a câmera e o corpo do aparelho com mais bateria nos parece uma boa ideia.

Deixando esses detalhes de lado, procedemos com nossos testes de 1h cada, sendo todas as sessões realizadas com conectividade WiFi e brilho máximo no dispositivo, representando sempre um dos piores cenários possíveis para auxiliar a validade dos números.

Após algumas rodadas de teste notamos que cada hora de uso ativo consumiu uma média de 16% da energia total do Deluxe, um número que deixa o modelo com a nota de "muito justo" com sua carga. Ele pode precisar de uma recarga antes do final do dia dependendo do ritmo do usuário. Não é regra, visto que ele tem um bom gerenciamento energético.

Um aviso importante: exigir o máximo do aparelho é receita para desastre, como todo modelo. O Snapdragon 821 do Deluxe é como uma criança com pólvora: se você entregar na mão e pedir que faça, vai acontecer. Isso resume como jogar continuamente títulos pesados vai impactar a bateira, principalmente se você ativar o modo desempenho nas configurações de energia. Pra esse uso, conte com uma tomada próxima.

Para essas recargas há um carregador com suporte ao Quick Charge 3.0 presente no KIT do Deluxe, alternando entre os modos de 10W e 18W automaticamente para isso.

Dentro dessa seção de pacotes e acessórios ainda temos os fones de ouvido, o ZenEar, que (apesar do formato intra-auricular) trazem uma experiência sonora de respeito, direto da caixa inicial do Deluxe.

Vale a pena?

Para os interessados em adquirir um Deluxe, vai o aviso de que esse nome indica um produto luxuoso, e quem imaginou um preço médio de R$ 4.000 reais acertou. Você precisará desembolsar essa quantia para adquirir um desses.

É o melhor que a Asus tem a oferecer no momento.

Quase tudo no aparelho está em altíssimo nível (com forte exceção da interface).

E isso tudo tem um preço.

Você faz parte dos poucos que tem esse poder aquisitivo? É simples assim. Luxo tem preço, e não é para nós meros mortais.

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar

Novidade

Extensão Canaltech

Agora você pode ficar por dentro de todas as notícias, vídeos e podcasts produzidos pelo Canaltech.

Receba notificações e pesquise em nosso site diretamente de sua barra de ferramentas.

Adicionar ao Chrome