1

O que é TRIM?

Por Pedro Cipoli RSS | 06.07.2012 às 18h40 - atualizado em 18.07.2012 às 21h30

Parte interna de um SSDTecnologia que funciona em conjunto com a S.M.A.R.T que equipa os discos rígidos e SSDs que encontramos nos mercados atualmente, o TRIM permite ao sistema operacional informar quais blocos de dados não podem ser mais considerados "utilizáveis" e podem ser internamente limpados.

Restritos aos SSDs (Solid State Drives) e discos flash, a tecnologia foi desenvolvida porque eles não utilizam movimentos mecânicos como os discos rígidos, sendo necessário um novo método de medida do estado dos blocos de dados que permitisse que o SSD lidasse com a sobrecarga da ferramenta de "garbage collection" dos blocos de dados e prevenisse futuras quedas de desempenho.

Antes do TRIM (que por sinal é um nome próprio, não uma sigla), a única solução para melhorar o desempenho de SSDs era limpar o drive todo e excluir todos os dados, o que é muito pouco prático para otimização. Em vez de limpar o drive completamente, a tecnologia otimiza somente os blocos de dados que não estão sendo utilizados, deixando o disco sempre na melhor performance possível sem necessidade de manutenções contantes ou perda de dados.

Confira nosso artigo sobre SSDs e veja quais são as vantagens dessa nova forma de armazenamento que está ficando cada vez mais barata e acessível para o consumidor. Eles são os candidatos mais prováveis a substituir os discos rígidos no futuro, trazendo mais desempenho e menor consumo de energia.

Leia a Seguir

Comentários