WhatsApp acaba com a cobrança de anuidade e se tornará completamente gratuito

Por Redação | em 18.01.2016 às 10h15

WhatsApp

Diga adeus às cobranças do WhatsApp. Depois de abandonar a venda do aplicativo e partir para um questionado serviço de assinatura anual, o popular app de mensagens agora sai de cima do muro e se define de uma vez por todas como uma plataforma gratuita. E a razão para essa mudança é exatamente a percepção de que esses modelos simplesmente não funcionaram tão bem quanto imaginados inicialmente.

Em seu blog oficial, a empresa explica que muitos de seus usuários não têm um cartão de crédito ou débito e que, por conta disso, muitos estavam preocupados com a impossibilidade de se comunicar com amigos e familiares. Assim, a companhia se comprometeu a acabar com as famigeradas taxas ao longo das próximas semanas nas diversas plataformas onde o aplicativo está disponível. Por outro lado, isso não significa que quem já pagou algum valor pelo serviço ao longo dos últimos anos vai ser reembolsado, já que a nova diretriz só passa a valer daqui para frente.

Além disso, o WhatsApp explica como pretende tornar a plataforma rentável e descarta a inserção de publicidade e daquelas odiosas propagandas que estamos acostumados a ver em outros aplicativos. De acordo com a companhia, a ideia é criar novas ferramentas que permitam aos usuários se comunicarem com empresas e negócios de seu interesse. Tanto que ela cita o exemplo da criação de canais de comunicação para que bancos avisem sobre atividades suspeitas em sua conta ou para que companhias aéreas alertem sobre possíveis atrasos em seus voos. Como o post no blog afirma, é modernizar aquelas ligações e mensagens que sempre recebemos. 

Essa nova alternativa deve ser liberada ainda neste ano, mas sem data prevista. Por mais que soe como um bom preço para acabar com as cobranças anuais de US$ 0,99, a notícia já preocupa muita gente. Apesar de não ter ficado claro, a proposta levantada pelo WhatsApp parece funcionar quase como uma venda de informações de seus usuários a outras companhias. A diferença é que, ao invés de entregar seus contatos nas mãos de terceiros, é a companhia quem vai gerenciar essa ação de telemarketing.

Outro ponto que vale destacar é que o fim das taxas pode ser também uma resposta ao constante crescimento de serviços concorrentes, principalmente o Telegram. Se o WhatsApp sempre reinou absoluto por ter sido o primeiro aplicativo a trazer um serviço de bate-papo nesse estilo, o surgimento de rivais gratuitos tornou o mercado mais competitivo e pode estar forçando o líder a se renovar para continuar à frente.

Via: Blog do WhatsApp

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar