Seu próximo carro pode estar conectado na nuvem

Por Redação em | 22.12.2012 às 19h02

Carro conectado a nuvem

A computação na nuvem é uma tecnologia que está em larga expansão no mundo inteiro, e agora começa a ser utilizada em diversos setores da indústria. O mundo automotivo é um deles.

A Ericsson se uniu à Volvo na criação de uma solução de nuvem para permitir que motoristas e passageiros acessem aplicativos de informação, navegação e entretenimento diretamente de um display instalado no carro.

As duas companhias estão juntando todo seu conhecimento de mercado para definir quais serão os serviços suportados pela plataforma. Mas, segundo a Ericsson, a prioridade do sistema será a informação a respeito da situação do tráfego, assim fica mais fácil fugir daquele trânsito com uma atualização em tempo real direto na tela do seu sistema de navegação. Os motoristas agradecem.

"Vemos claramente que os carros, num futuro próximo, vão integrar o mesmo nível de serviços digitais que os consumidores hoje utilizam em suas casas ou no trabalho. Esta é uma parte estrategicamente importante dos investimentos da Volvo para o futuro, quando pretendemos assumir uma posição de liderança", diz Lex Kerssemakers, vice-presidente sênior de Estratégia de Produtos e Gestão da Linha de Veículos da Volvo Cars.

Os serviços deverão ser gerenciados por uma solução de nuvem global, o que deve garantir uma conexão segura entre o veículo e os fornecedores do ecossistema, como provedores de conteúdo e concessionárias de rodovias, por exemplo.

"Esta parceria é a prova da transformação em toda a nossa sociedade, à medida que avançamos para a Sociedade Conectada. Motoristas querem serviços que a tecnologia possibilita, em tempo real e no contexto que mais se ajuste às suas necessidades. As nossas competências em integração de sistemas e habilitação de serviços combinarão às estratégias da Volvo", diz Per Borgklint, responsável por Soluções de Suporte da Ericsson.

A Volvo é conhecida por suas investidas em novas tecnologias para seus carros. Recentemente a empresa disse que planeja lançar os primeiros modelos de carros sem motoristas até 2014 e também idealiza uma frota de carros livres de acidentes em 2020.

Leia a Seguir

Comentários