4

Cookies de Internet devem acabar em cinco anos, afirma especialista

Por Redação em | 30.04.2013 às 10h20

cookie

Os cookies de Internet, utilizados atualmente para armazenamento de dados de navegação, devem deixar de existir nos próximos cinco anos. É o que afirma o Vice-Presidente e Gerente da Brillig Digital Data Solutions, Paul Cimino, empresa de análise de dados digitais de marketing, ao site AdExchanger

De acordo com Cimino, os cookies contêm diversas falhas, são invasivos e ainda possuem problemas de privacidade. Conforme o número de pessoas utilizando dispositivos que não aceitam cookies (como smartphones e tablets) cresce, o sistema para rastreamento deve ser deixado de lado. Nas análises realizadas pela Brillig, este tipo de tráfego já corresponde a cerca de 40% do total.

A tendência é que empresas procurem novas formas de identificar dados de navegação de usuários. Para Cimino, isto deve levar a um novo tipo de solução, que permitirá mais controle dos usuários na personalização de suas buscas e de propagandas que recebem em sites - que devem se tornar menos invasivas do que aquelas recebidas com o sistema atual de cookies.

Cimino explica que já existem novos modelos de identificação do usuário para publicidade, mesmo em dispositivos que não possuem cookies, como iPhones e Android. É possível, por exemplo, obter através do IP de um usuário uma parte de sua rotina de navegação. Com essas informações, é possível selecionar modelos diferentes de propaganda, baseados nos costumes do usuário.

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

FIQUE ATUALIZADO
RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS POR E-MAIL