SkyCube: um satélite que permite a qualquer um tuitar do espaço

Por Redação em | 19.07.2012 às 12h10 - atualizado em 19.07.2012 às 12h40

Skycube

Os mesmos desenvolvedores do SkySafari, o aplicativo mais utilizado por astronautas e astrônomos em seus iOS, Androids e Macs, acabam de criar o SkyCube. Trata-se de um nano-satélite que mede apenas 10 x 10 x 10 centímetros e que será lançado junto ao foguete SpaceX Falcon 9, no primeiro trimestre de 2013. Se você contribuir com o lançamento da campanha SkyCube Kickstarter, garantirá sua chance de enviar mensagens ou tirar fotos durante a missão do satélite e postar tudo no Twitter.

A principal missão do Skycube é explorar o espaço e trazer resultados para as massas, oferecendo às pessoas comuns a possibilidade de financiar e usar seu próprio satélite. Ele é equipado com uma câmera de baixa resolução (ainda não especificada) que irá tirar as fotos da Terra, do espaço e talvez do ArduSat - um satélite semelhante que finalizou sua campanha com mais de US$ 100.000, há poucos dias. 

O satélite deve enviar um "ping" a cada 10 segundos para indicar que está totalmente funcional lá "em cima". A promessa é que, com US$ 6, você garanta seis mensagens de 120 caracteres cada uma e uma imagem para fotografar com o satélite. Uma opção um pouquinho mais cara custa US$ 10.000 (sim, dez mil dólares) e permite a você utilizar o satélite para tuitar o dia inteiro. Isso resulta em aproximadamente 10.000 mensagens e 2.000 fotos e um pacote para um passeio no Cabo Canaveral, com direito a um acompanhante. No passeio, você verá a decolagem do seu satélite. E também está incluído no pacote um receptor de rádio que pode transmitir novidades do SpaceX Falcon 9 e do SkyCube.

Um aplicativo para iOS e Android será disponibilizado para acompanhamento do satélite, envio de mensagens para ele e pedidos de imagens do espaço. Se você não é do tipo participativo, um equipamento de rádio mais em conta ou um dispositivo conectado à internet é tudo que você precisa para receber as mensagens do SkyCube, já que estarão arquivadas em um servidor, acessível a qualquer momento.

Noventa dias após o lançamento, um cartucho com 8 gramas de CO2 inflará um balão de 10 metros revestido por dióxido de titânio para aumentar a reflexão. A equipe do SkyCube afirma que ele será tão visível como o telescópio Hubble ou uma estrela de primeira magnitude, bem fácil de enxergar a olho nu.

Interessante essa ideia de deixar a população participar de um projeto espacial, não? Aqui você pode conhecê-lo melhor.

Leia a Seguir

Comentários