CES

NVIDIA lança supercomputador voltado exclusivamente para carros autônomos

Por Redação | em 05.01.2016 às 10h34

Drive PX 2

Podemos dizer que o desenvolvimento de carros totalmente autônomos está apenas no começo, mas cada vez mais empresas vêm se esforçando para acelerar o desenvolvimento desse segmento da indústria tecnológica. A NVIDIA é uma delas, tendo anunciado durante a CES 2016 uma nova versão do Drive PX, que foi lançado originalmente no ano passado. Com esta solução, será possível combinar uma enorme quantidade de dados e uma forte exigência de processamento necessários para que um carro 100% autônomo possa se tornar realidade.

O Drive PX 2 é um supercomputador voltado exclusivamente para carros autônomos que pode identificar todo o ambiente ao redor e enviar comandos e instruções específicas e confiáveis ao veículo. O hardware conta com 2 processadores com 12 núcleos ARM e duas GPUs em SLi, que são capazes de dar 8 Tflop/s. De acordo com o CEO da NVIDIA, Jen-Hsun Huang, esse poder de processamento equivale a 150 MacBooks Pro.

Drive Px 2

De acordo com a fabricante, o Drive PX 2 estará conectado a um sistema central conhecido como DriveNet. Essa rede proprietária da empresa utilizará a capacidade das GPUs para treinar e desenvolver os novos modelos de carros autônomos, os ensinando a, entre outras coisas, desviar de obstáculos no trânsito, como carros, caminhões, pedestres, ciclistas, etc. Para realizar este aprendizado e detectar obstáculos de maneira precisa, a NVIDIA trabalhou para que o sistema reconhecesse cada pixel em tempo real e decidisse se aquilo se trata de um obstáculo ou não. Com isso, o sistema é capaz de diferenciar um ciclista de um pedestre e levar o carro a reagir da maneira mais apropriada. Vale lembrar, porém, que o acesso ao DriveNet dependerá de uma conexão impecável com a internet para o compartilhamento de dados e a constante necessidade de deep learning.

Além disso, a novidade exigirá que cada automóvel tenha no mínimo 4 câmeras capazes de capturar 32 mil pontos a 30 frames por segundo. Essas imagens em conjunto se transformam em um modelo 3D da estrada e obstáculos existentes.

Além da Volvo, que já está utilizando o Drive PX 2, montadoras como Audi, Ford, BMW, Daimler, ZMP e Preferred Networks já estão realizando experimentos com o NVIDIA Drive.

Via Slash Gear

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar