'O mais rápido que eu já usei', diz analista sobre Android conceito da Sony

Por Redação | em 01.02.2016 às 08h53

Sony Marshmallow

O Android é um sistema operacional gratuito, ou seja, nenhuma empresa precisa comprá-lo para embuti-lo em seus produtos. Além disso, ele pode ter sua interface modificada para dar mais personalidade a uma marca, e nisso as companhias desenvolvem o seu próprio conjunto visual, como o TouchWiz, da Samsung, ou o LG UI, da LG. A Sony vem buscando uma abordagem mais simples e, desde o ano passado, passou a trabalhar com uma versão mais próxima ao Android puro.

Recentemente, a companhia apresentou a sua versão do Android Marshmallow. Olhando para ela, é possível perceber que a abordagem da Sony deixou o sistema bastante parecido com o Android da Motorola, outra versão do sistema mobile do Google que sofre pouquíssimas alterações antes de chegar a um smartphone. O pessoal do Android Central testou o sistema e o veredito é bastante positivo.

“O resultado? Provavelmente o telefone Android mais rápido que eu já usei, incluindo aí modelos de 2015, como o Nexus 6P e o Samsung Galaxy S6 Edge+”, escreve o editor Alex Dobie. “O software simplesmente voa, deixando para trás a vasta maioria dos portáteis mais novos e caros”, finaliza, destacando ainda a fluidez, a leveza e as mudanças sutis do sistema como pontos positivos.

Android conceito da SonyAndroid conceito da Sony. (Foto: Reprodução/Android Central)

Casamento entre hardware e software

O conceito de Android da Sony funciona em gadgets com processador Snapdragon 801, um chip menos problemático e mais estável que o 810. E a ideia parece ser exatamente encontrar o melhor equilíbrio entre software e hardware. "É uma confusão comum pensar que a interface de usuário é o que deixa o Android lento e que bastaria apenas as fabricantes usarem o sistema como o Google concebeu para que tudo ficasse bem", comenta Dobie. "Códigos ainda precisam ser otimizados, suavizados, e é exatamente isso o que a Sony faz com o seu firmware conceito", conclui.

Além de continuar oferecendo as atualizações normais para os aparelhos da linha Xperia, a companhia oferece o novo conceito somente para os modelos Xperia Z3 e Z3 Compact em apenas alguns países — Alemanha, Dinamarca, Estônia, Finlândia, Irlanda, Islândia, Letônia, Lituânia e Reino Unido. O objetivo da empreitada é repensar o sistema a partir do zero e ter o Android puro como base, realizando poucas modificações significativas, mas adicionando ou removendo coisas conforme for necessário.

Fonte: Android Central

Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

Newsletter Canaltech

Receba nossas notícias por e-mail e fique
por dentro do mundo da tecnologia!

Baixe já nosso app Fechar