15

Conheça o Vivobook, notebook de entrada com tela touchscreen da ASUS

Por Pedro Cipoli RSS | 13.12.2012 às 15h05

ASUS vivobook

Com um design bastante atraente e construção em alumínio, o que será que o ASUS VivoBook traz de diferente em relação aos modelos de 11,6 polegadas que já estão à venda no mercado? Além do visual mais sério, este é um dos primeiros equipamentos que trazem telas sensíveis ao toque ao alcance do público em geral sem abandonar completamente o papel de notebook. De fato, ele cumpre exatamente a função desses dispositivos, mas trazendo a tela touchscreen como diferencial.

O VivoBook traz um processador Intel Core i3 de terceira geração, 4 GB de memória RAM e 500 GB de disco rígido. Com essa configuração modesta, os pontos que passam a ser destaque nesse modelo são o design e a tela sensível ao toque, o que torna-o uma boa opção para tarefas leves, como navegação na internet e edição de textos, mas não o recomendamos como computador principal.

O Windows 8 ficou bem integrado nessa configuração tanto para quem costuma utilizar teclado e touchpad quanto para aqueles que querem utilizar a tela sensivel ao toque, uma vez que todos os comandos demonstrados no Surface da Microsoft ficaram bastante responsivos. Aliás, nos poucos dias que passamos com o notebook, deu para perceber que trabalhar no Windows 8 com uma tela touch é algo bastante diferente. É uma nova experiência bem agradável, por sinal. O visual mais suave do novo Windows ficou bastante nítido na tela, que embora não traga uma tecnologia IPS ou algo do tipo, possui uma excelente resolução (1366x768) para uma tela de 11,6 polegadas.

O teclado é bastante simples e funcional, sendo ideal para quem está acostumado a utilizar teclas sem grande relevo em notebooks, e o touchpad é maior do que estamos acostumados a ver em modelos desse tamanho, sendo bastante responsivo. Mesmo com a boa tela sensível ao toque, é importante se preocupar com a qualidade dessa configuração padrão, já que a digitação de textos ou mesmo o tratamento de imagens ainda são, prioritariamente, comandados pelos tradicionais teclado e mouse.

O que nos chamou a atenção foi o sistema de som SonicMaster - aliás, sempre podemos esperar um bom sistema de som de modelos ASUS. Ele vai agradar quem gosta de clareza na música e reprodução de áudio sem distorções, embora deixe a desejar nos graves. De qualquer forma, quem costuma escutar músicas com fone de ouvido gostará bastante do driver de áudio, que elimina esse problema.

Como conexões temos 3 portas USB, sendo uma delas 3.0, uma saída de vídeo VGA e outra HDMI, combo de fone e microfone, conexão RJ-45 para internet, trava kensington e leitor de cartões SD, possuindo todas as conexões que esperaríamos de um notebook convencional. Em nossos testes o VivoBook aguentou cerca de 4 horas e 30 minutos de utilização normal, quase não consumindo bateria em modo de espera.

Conclusão

O modelo testado em nosso laboratório pode ser encontrado no Brasil pelo preço sugerido de R$ 1999. Outras configurações estão à disposição em outros países, com processadores Intel Core i7 e unidades SSD, mas por aqui só é possível escolher entre o Intel Core i3 que testamos ou Celerons e Pentiums.

Para quem está em busca de uma máquina básica, portátil e com todas as conveniências de uma tela touchscreen o ASUS VivoBook é uma boa pedida, mas é importante lembrar que a fluidez do sistema não tem relação com as especificações, e sim com o esforço da Microsoft em deixar o Windows 8 mais leve. 

Vantagens

  • Design atraente e construção de primeira
  • Tela sensível ao toque otimizada para o Windows 8
  • Bom sistema de refrigeração, não ficando excessivamente quente ao utilizar no colo

Desvantagens

  • Preço alto para configurações de entrada
  • Não existem opções mais potentes desse modelo no Brasil
Vivobook Vivobook Vivobook Vivobook Vivobook Vivobook Vivobook
Vivobook
Vivobook slideshow lupa
Assine nosso canal e saiba mais sobre tecnologia!
Leia a Seguir

Comentários

RECEBA NOSSAS
NOTÍCIAS POR E-MAIL
ASSINE NOSSA NEWSLETTER DIÁRIA